Sábado, 11 de Fevereiro de 2017

A desilusão do encontro. Perigos.

Muitas vezes as pessoas procuram desesperadamente encontrar um lugar, um 'grupo' onde se possam sentir menos sós.


 

Depois de encontrarem o seu 'grupo' ficam desiludidos pois este não é perfeito nem consegue satisfazer totalmente as suas necessidades de afecto ou outras.

 

Para sua desilusão, depois de frequentarem uma ou várias religiões, ou ‘grupos’ chegam à conclusão que na base, os problemas são os mesmos; guerras pelo poder dentro do grupo, seja ele pequeno ou grande, hipocrisia, mentira, e tudo aquilo que o ser humano possui em maior ou menor grau.

 

Se nos debruçarmos sobre o assunto, chegaremos à conclusão que é lógico isso acontecer, pois o ‘grupo’ é formado por pessoas em evolução (imperfeitas portanto, e com erros de carácter por melhorar e resolver). Assim, um ‘grupo’ é consequentemente o reflexo daqueles que fazem parte dele.

 

O que imerge a par daquilo que se pretende concretizar (idealismos com base naquilo que está são dentro do homem), e aquilo que é professado (muitas vezes com as melhores das intenções, outras como instrumento dissimulado dos homens que lideram esses ‘grupos’) é afinal, o colectivo dos erros de carácter e também a faceta boa e positiva que todo o ser humano possui.

 

Um dia ouvi alguém dizer: “A igreja é como um Hospital; as pessoas entram aqui doentes para virem ser curadas.”

 

Claro que podemos aplicar isso a qualquer grupo. Onde existem pessoas, existem pessoas com algo ‘doente’ dentro de si, e também com outra parte já curada. Se estivessem totalmente sãs, seriam a própria Verdade, se estivessem completamente ‘doentes’ já teriam morrido.

 

Mas cuidado, porque as imperfeições humanas não deverão ser motivo para alguns lideres, chefes de igrejas, de seitas ou qualquer tipo de grupos, usarem essa desculpa para justificarem as suas acções diante dos seus membros, desculpando-se assim das suas atitudes malévolas, e/ou ainda mais grave manipular de tal maneira as congregações levando-as a agir como burros com duas palas, incapazes de olharem para outro lado que não seja só para aquilo que o líder ou chefe aponte, incapacitando assim, cada vez mais, as pessoas de pensarem por elas próprias.

 

O problema é que as pessoas estão cansadas de procurar um ‘porto de abrigo’ que os acalente das frustrações, traumas e desilusões do dia a dia, e por isso quando entram para uma congregação, religiosa ou não, estão tão desesperadas e carentes que baixando as barreiras se entregam de corpo e alma, pensando que aí vão encontrar a resolução imediata e total, para os seus problemas e necessidades, e afinal encontram sempre a mesma coisa; gente a precisar de ser curada.

 

O maior perigo está, muitas vezes, afinal, no sítio em que pensam encontrar ajuda para resolver os seus problemas ou resposta para as suas perguntas, pois sedentas de encontrar, ficam fragilizadas, e é na fragilidade que aparecem aqueles que se alimentam do seu ‘sangue’.

 

Não é errado procurar, nem fazer parte de algo. Errado seria baixar os braços, desistir de encontrar, de se esforçar para ser melhor a cada dia, de aprender, de adquirir conhecimento, de pensar por si próprio desistindo de usufruir da grande maravilha com que fomos habilitados; a capacidade do livre arbítrio. Mas importante é estar lúcido para se ‘comer’ aquilo que se quer.

 

Podemos beneficiar da opinião de homens sábios e rejeitar as ideias e discursos dos tolos (que pensam ser os únicos detentores da Verdade), mas tudo isso deverá ser sempre um trabalho de escolha individual, onde o livre arbítrio é um marco nosso que nos valoriza.

 

A capacidade do livre arbítrio com que fomos munidos, deve permitir-nos ver mais além, não estagnar, não deixar que sejamos manipulados, ter um espírito crítico e por consequência evoluir e crescer.


.

.


.

.


.


 
publicado por Alexandra Caracol às 17:48
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Custodio a 6 de Outubro de 2007 às 12:34
Olá,

Obrigrado por participares no meu concurso para ganhar 1000 Euros!

Comentar post

MAIS SOBRE MIM

Livros gratuitos Alexandra Caracol_botao amarelo

PESQUISAR NESTE BLOG

 

POSTS RECENTES

Mensagem de Páscoa

Você não está doido! - Li...

Índice do livro gratuito ...

ESQUEMA RESUMIDO ACERCA D...

PENSAMENTOS SÁBIOS - 1

PENSAMENTOS SÁBIOS - 2

Religiões Cristãs (Católi...

Slides de Akiane kranarik...

A canção dos homens.

INQUISIÇÃO - Instrumentos...

ARQUIVOS

FILOSOFIA E RELIGIÃO

TESTEMUNHOS DA VIDA REAL

A ARTE DE VIVER (Aprenda a ser feliz)

SAÚDE E CIÊNCIA ESPIRITUALIDADE

PENSAMENTOS SÁBIOS

FILMES

MÚSICA


.

subscrever feeds