Domingo, 16 de Outubro de 2016

Perseguição, sofrimento e morte em nome de Deus - 8

 

.
(Para ver capítulos anteriores clique aqui)
.
.
 
UTILIZANDO AS DIFERENÇAS (RELIGIOSAS E/OU OUTRAS) COMO INSTRUMENTO DE DIFAMAÇÃO, EXCLUSÃO, PERSEGUIÇÃO, TORTURA, MORTE E TODO O TIPO DE DESCRIMINAÇÃO. ALGUNS EXEMPLOS:
.
Judaísmo
 
A história do povo judeu também é feita de eventos, demasiadas vezes, plenos de opressão, perseguição, desespero e exclusão da própria terra.
No ano de 61 a.C., o império romano expande-se. Eles adoram vários deuses, entre eles consideram até o imperador como um deus, e perseguem os judeus obrigando-os a adoptar as suas crenças.
Após longas lutas o segundo Templo é destruído (Templo que fora construído por Salomão e que fora destruído pela primeira vez pelos babilónicos no ano de 423 a.C., levando com eles muitos judeus como escravos), por ordem do imperador romano Tito. Juntamente com a destruíção do Templo cerca de 1 milhão de judeus morrem.
Em 134 d.C., a maioria dos judeus é aprisionada ou forçada a emigrar pelos romanos que dominam Israel.
Durante as cruzadas (1096-1190 d.C.), ordenadas pelo papa para recapturar Jerusalém dos muçulmanos, judeus são executados por soldados cristãos.
Entre 1290 e 1496 d.C., muitos judeus que vivem na europa são assassinados por se recusarem a adoptar o cristianismo.
Na Espanha a Inquisição impõe aos judeus a escolha entre converterem-se ao cristianismo ou morrer.
“As falsas acusações contra os judeus repetiram-se ao longo da história, impulsionando a sua expulsão das cidades alemãs, onde apenas puderam viver em quarteirões decadentes e delimitados. Eram-lhes imputados, em vários locais, assassínios rituais, profanação de hóstias, envenenamento de poços ou propagação da peste. Os seus adversários serviam-se de qualquer meio para se vingarem.
Foi também repetidamente divulgado que o Talmude (livros judaicos sagrados) exigia, como norma religiosa, o assassínio de cristãos. O desaparecimento de uma criança cristã consistia uma prova de tal acusação. Eram ainda chamados à responsabilidade por situações de emergência económica. Assim, em 1614, os representantes das guildas de Francoforte acusaram os judeus de usura e saquearam A Travessa dos Judeus.” (Em “Religiões do Mundo” de Markus Hattstein, Pág. 67)
No ano de 1648 d.C., o líder cossaco ordena que se massacre milhares de judeus na Rússia e na Polónia.
 Na II Guerra (1939 a 1945), muitos judeus foram chacinados ou expulsos dos países em que viviam. Os nazistas acreditando na possíbilidade da criação de uma “raça pura”, resolveram seguir o plano do seu líder AdolfHitler, prosseguindo com o extermínio de 6 milhões de judeus.
.
 
 
publicado por Alexandra Caracol às 12:20
link do post | comentar | favorito
|

MAIS SOBRE MIM

Livros gratuitos Alexandra Caracol_botao amarelo

PESQUISAR NESTE BLOG

 

POSTS RECENTES

Mensagem de Páscoa

Você não está doido! - Li...

Índice do livro gratuito ...

ESQUEMA RESUMIDO ACERCA D...

PENSAMENTOS SÁBIOS - 1

PENSAMENTOS SÁBIOS - 2

Religiões Cristãs (Católi...

Slides de Akiane kranarik...

A canção dos homens.

INQUISIÇÃO - Instrumentos...

ARQUIVOS

FILOSOFIA E RELIGIÃO

TESTEMUNHOS DA VIDA REAL

A ARTE DE VIVER (Aprenda a ser feliz)

SAÚDE E CIÊNCIA ESPIRITUALIDADE

PENSAMENTOS SÁBIOS

FILMES

MÚSICA


.

subscrever feeds